1 de Janeiro...

 

Às 8 da manhã, quando espreitei pela janela e como seria de esperar, não havia vivalma na rua... Um táxi que passava talvez levasse alguém, vindo ainda da folia da noite, mas mais nada ou ninguém.

 

O meu serviço de "babysitter" a dois netos tranquilos acabou pouco depois das 11.30 e tal como a Mary Poppins agarrei no meu saco e depois de uma série de abraços, desci a avenida. Caia uma chuva miudinha ou talvez um nevoeiro molhado que apenas tornava  o passeio escorregadio...ia sem pressa, ao longe vejo algo no passeio, aproximo-me e sem parar vejo uma mulher deitada, não dormiria embora parecesse.

Não devia estar ali há muito tempo pois não estava nem sequer húmida... uma qualquer máfia ali a devia ter deixado. Passei indiferente mas andados uns metros, resolvi voltar para trás, abri o meu porta moedas e despejei-o na lata que tinha em frente. Não sei exatamente quanto teria, mas não era muito pois o porta moedas é pequeno e não estava cheio...

Não costumo dar esmolas isto porque sei que elas não vão exatamente para quem me pede a moeda... então porque a dei hoje? Porque tive a certeza de que quem ali apôs exerceria sobre ela represálias se não levasse algum dinheiro de volta!

 

Feliz Ano Novo para quem?

 

image.jpeg

><p

tags:
publicado por naterradosplatanos às 18:29 | link do post | comentar