Segunda-feira, 31.03.14

Feitos de batata!

Nestes dias de regresso ao inverno, e como não querendo frustrar os meus poucos leitores e sem nada de especial a contar, resolvi ir dar uma volta pelas fotografias da Flórida para ver se encontrava alguma com interesse.
Aqui vai




Esta informação estava à entrada do salão do pequeno almoço no Hotel Hampton Inn em Miami.
Como podemos ver os pratos e talheres, que por aqui invariavelmente são de plástico ou esferovite, neste caso não o são já que são feitos com base no amido de batata e portanto totalmente biodegradáveis!
publicado por naterradosplatanos às 19:57 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Sexta-feira, 28.03.14

28 de Março...

Tinha chegado há pouco a Primavera, tal como hoje, fria com um sol a escapar-se entre as nuvens e a promessa de que uma coisa boa estava para acontecer...

Logo mais há noitinha faz anos que me puseram nos braços uma trouxinhas azul pese fosse uma rechonchuda menina de cabelo negro já que não tinha nada cor de rosa para lhe vestir!
Quem nessa altura, em que as ecografias talvez só fossem sonhadas, se atreveria a fazer um enxoval rosa, já que um menino era sempre uma hipótese?!

Assim durante alguns tempos a minha filha só vestiu de azul, mas depois, depois foi sempre de cor de rosa, com alguma concessão para os " babygrows" em amarelo ou verde água!
Para ela, que hoje já é mãe, o que mais lhe desejo é saúde para criar os meus três queridos netos.

Um beijinho Patrícia
publicado por naterradosplatanos às 14:02 | link do post | comentar | ver comentários (3)
Quinta-feira, 27.03.14

Almoço de Primavera...

Falamos do Ontem e do Hoje... No Ontem, elas falaram das recordações dos bancos da escola eu, da professora que se confessou ter sido talvez demasiado exigente... No Hoje, foi a sua vida profissional que nos entreteve a outra parte do tempo... casos caricatos, outros impensáveis com que se deparam. Contados na primeira pessoa pela minha aluna hoje advogada e já com uma experiência de 20 anos (já 20!!) são mesmo de acreditar embora pareçam inacreditáveis!

O almoço, que decidimos institucionalizar anualmente e passar a designa-lo por "Almoço de Primavera", foi aqui




... em frente do jardim onde elas brincaram e onde também eu levei a brincar os meus filhos, que são da idade delas.

O almoço foi de excelente qualidade, mas a sobremesa, ah, a sobremesa foi deliciosa, " Supremo de Chocolate"!
publicado por naterradosplatanos às 11:33 | link do post | comentar | ver comentários (1)
Terça-feira, 25.03.14

Quando eu cultivava morangos...

Quando adquiri mais um bocado de terra ao meu vizinho Azeitona com o intuito de me dedicar à agricultura caseira, também os morangos aí tiveram lugar.
Morangos cultivados a preceito, o que significa em dois camalhões aí com uns três metros de comprimento, revestidos a plástico preto e com rega gota a gota no seu interior...
Na altura não havia Google e portanto socorri-me da Lista de Páginas Amarelas e lá encontrei um inglês, que perto de Sesimbra, vendia pés de morangueiro. Também não existia GPS mas eu, acompanhada dos meus filhos lá encontramos a dita quinta...
Nesse ano como era natural a produção foi pequena, mas nos anos seguintes foi excepcional. Eram lindos no aspeto mas sobretudo saborosos, como não mais comi. Também eram grandes, de tal forma que uma colega minha, que já não está entre nós, lhe chamava " morangos de três dentadas" pois segundo ela era o número necessárias para comer cada um!

Passados uns quatro ou cinco anos a qualidade degenerou, ainda os replantei mas já não os do inglês e como a qualidade era fraca desisti. Agora compro-os, só na época, e não muitas vezes pois a maior parte das vezes são tão duros que nem maçãs, não sabem a morango e não têm açúcar!
Este ano foi a primeira vez que os comprei pensando serem cultivados nas nossas estufas, mas enganei- me!
publicado por naterradosplatanos às 12:26 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Segunda-feira, 24.03.14

De passagem... uma caixa de morangos

Regressando ao Areeiro por uma estrada alentejana dei por várias vendas de estrada que além das vulgares laranjas, exibiam escaparates de caixas de morangos. Nós nem temos o costume de parar para comprar o que quer que seja e assim, passamos por uma, duas tendas, mas na 3ª resolvemos parar pressupondo que os morangos fossem dali, das estufas que se viam aqui e além.
Escolhida a caixa, pagos 5€ sem recibo, colocada na bagageira, vá de rumar ao destino, continuando pela estrada nacional já que não tínhamos pressa e os campos começam a ficar lindos!
Chegados a casa, arrumada a bagagem que sempre se arranja, mesmo que por só um fim de semana, fui dar atenção à caixa de morangos... grandes, vermelhos, brilhantes e cheirando a morango, o que já não vai sendo normal.
Seguiu-se a curiosidade de saber onde teriam sido produzidos... atónita li:
Lucena Fruits, C/ Arriba nº 25 HUELVA, claro está Espanha!!

Morangos de Espanha a vender numa estrada alentejana e não num supermercado... não queria acreditar!




E aqui vai a origem...

publicado por naterradosplatanos às 13:59 | link do post | comentar | ver comentários (6)
Quinta-feira, 20.03.14

Está quase, quase a chegar!

Dentro de duas horas e poucos minutos chega a Primavera, o Acordo Ortográfico diz que as estações do ano se passam a escrever com minúsculas, mas eu recuso fazer isso com a Primavera!
Sim, hoje dia 20 de Março pelas 16h57 o Sol cruzará o Equador Celeste e aparentemente subirá até ao dia do Solstício. No hemisfério Sul começará o Outono, pese o momento da entrada nesta estação seja o Solstício da Primavera.

O dia está realmente primaveril no sentido comum do que este adjectivo significa e a minha cerejeira parece também querer comemorar a entrada da Primavera com este prenúncio de uma boa colheita.


publicado por naterradosplatanos às 14:09 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Terça-feira, 18.03.14

Já por cá... mas ainda lá!

Diderot, filósofo francês do séc XVIII, terá dito um dia, relativamente ao imenso gosto que tinha pelas viagens, " já lá estava antes de ter chegado, ainda lá fiquei depois de ter partido".
Hoje isso pode acontecer com qualquer um de nós já que existe o Google Earth onde podemos conhecer de antemão tudo o que vamos ver e depois as dezenas de fotografias digitais (sem qualquer custo) que nos permitem "lá continuar" por uns tempos!!
Assim sendo ainda estou um pouco por lá já que estive a rever, selecionar e apagar algumas das fotografias que fiz. Nessa tarefa encontrei esta que fiz de um envelope que estava estrategicamente colocado para os utentes do quarto não poderem deixar de o ver!





E diz assim:

"Espero que tenha gostado da sua estadia na The Grand Guesthouse.
"Gorjeta à empregada de limpeza é muito apreciada"
"A maior parte dos hóspedes preferem deixar $5 por dia"

Acho isto uma desfaçatez!! Depois de se pagar $300 por noite ainda nos dizem o valor da gorjeta que devemos deixar!!

Isto da gorjeta compulsória é mesmo a única coisa que me desagrada na América, de resto gosto mesmo de tudo!
publicado por naterradosplatanos às 20:35 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Domingo, 16.03.14

Aeroporto de Miami... Agora Cuba mais perto!

Estamos no terminal F de onde parte o avião da TAP que nos levará de regresso. Não sei se os outros terminais serão semelhantes, mas este é francamente muito fraco, mais parece uma estação rodoviária de pouca qualidade!
Dos muitos aeroportos em que já passei e não vou enumera-los pois pareceria vaidade, o Aeroporto de Lisboa é o mais requintado que conheço. Luminoso, limpíssimo bem decorado com imensas lojas de grandes marcas, marcas requintadíssimas onde se pode encontrar tudo o que é bom! Este é mesmo uma tristeza pois nem há lojas para fazer "window shop" que ajudem a passar o tempo!
Valha-me o jornal para me entreter embora as notícias do 777 não sejam a melhor distração para quem vai passar 9 horas num A 320 sobre o Oceâno Atlântico.

————————

Afinal já na "Gate 16 do terminal F surgiu-me mais assunto para o post.

Há pouco mais de um mês, depois de uns 50 anos, reeniciaram-se os vôos para Havana (Cuba) e acontecia um exatamente na "Gate" ao lado precisamente para esse destino.
Foi interessante observar quem ia e as bagagens que levavam: seis senhoras em cadeiras de rodas, (serviço fornecido pelos aeroportos quando as pessoas de idade já não têm capacidade para fazer quilómetros por aqueles corredores até há porta do avião); pessoas de todas as idades, novos, menos novos e crianças. Quanto às senhoras idosas fiquei sem saber se iam de visita à terra deixada há muito, se vieram ver os seus à terra que os acolheu e agora regressavam.
O que eu achei interessante e que diz muito, foi o que levavam nos sacos impossíveis de fechar já que abarrotavam de café, pacotes de bolachas, toalhas de mesa, panos de cozinha... e nos braços enormes ramos de flores artificiais!!
Um rapaz novo levava mesmo, quiçá para a mãe ou avó um quadro com a figura do Sagrado Coração de Jesus!!







publicado por naterradosplatanos às 17:51 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Quinta-feira, 13.03.14

Miami e os sem abrigo...

Miami dado o seu clima poderia ser "homeless friendly", mas aqui ser sem abrigo é "proibido"! Na realidade eu apenas vi dois que aparentavam essa condição.
Porque digo eu que é proibido ser sem abrigo?
Pelos inúmeros dispositivos como o que que a fotografia mostra e que estão colocados em pontos estratégicos e pelo que está escrito no pseudo parquímetro e na rodela amarela do chão.

Vejamos:
Na primeira e ao alto do parquímetro diz, "acabemos com os sem abrigo"



Nesta, em cima lê-se: "alimente o parquímetro e mude uma vida", a seguir vem, "se vir algum sem abrigo telefone para --- --- ---" e depois, "acabe com a situação dos que não têm abrigo"



Francamente fiquei na dúvida se o apelarem para telefonar para o 1- 877- 994 - 4357 era mesmo para os ajudar, se para tirar os "homeless" da vista dos turistas!

Náo me acusem de fazer juízos de intenção já que em Montreal isto acontecia!
publicado por naterradosplatanos às 23:19 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Terça-feira, 11.03.14

"Snow birds from Quebec...

Não há dúvida que um grande bando de "snow birds" "quebecanos" aportaram aqui em Hollywood Beach, uma das imensas praias a norte de Miami.
Passeando na calçada ao longo da praia que deve ter uma infinidade de quilómetros e prestando atenção aos que passam verifico que a esmagadora maioria tem para cima da nossa idade. Falam quase que invariavelmente francês (língua do Quebec), muito poucos espanhol e alguns inglês. Os menus dos restaurantes estão também em francês (o que não é comum nos EUA) tal como publicitam canais de TV na mesma língua.

A fotografia não engana à cerca da proveniência, depois da bandeira dos EUA lá está a do Canadá e a do Quebec (azul)...



Elas são todas loiras, vistas de costas, já que têm o cabelo pintado, não parece que estejam já pelos 70 e tal 80, o que logo se constata quando as olhamos de frente. Eles normalmente barrigudos já bem bronzeados o que atesta o tempo que por aqui têm passado! Depois há os, como nós, com menos 10 ou 15 anos, às vezes acompanhados de filhos adultos eventualmente netos, estes parecendo vir por menos tempo já que a cor ainda não atingiu o bronze dos outros.
Mas o que todos têm de comum é mesmo a língua em que se expressam: o Francês, melhor dizendo, o "quebecois"!



publicado por naterradosplatanos às 22:25 | link do post | comentar | ver comentários (4)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Março 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
15
17
19
21
22
23
26
29
30

posts recentes

últ. comentários

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO