Quarta-feira, 25.06.14

A Diana já tem BI !



Hoje é um grande dia para a Dianinha embora ela não tenha noção disso.
Hoje a Dianinha passou a ter um BI que atesta que tem um pai e uma mãe que lutaram durante mais de 4 anos para lhe darem o seu nome!
Hoje a Dianinha tem à face da lei mais dois irmãos, quatro avós e três primos, tias e tios.
Como disse, a Dianinha não tem consciência disso pois desde o primeiro dia que, vinda de Cabo Verde, passou a ser de todos nós!
Beijinhos para ti da avó
tags: ,
publicado por naterradosplatanos às 14:24 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Segunda-feira, 23.06.14

E dizem que é verão!

O verão começou oficialmente há pouco mais de 48 horas e no Areeiro é assim, à hora que escrevo!





.
publicado por naterradosplatanos às 18:29 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Sábado, 21.06.14

Dia do Solstício de Verão

Hoje é o dia do solstício de verão que ocorrerá dentro de hora e meia, precisamente ás 10.51. Será o dia mais longo do ano e para nosso desencanto os dias começam agora a diminuir e brevemente notaremos que anoitece mais cedo... é o ciclo das estações!
publicado por naterradosplatanos às 15:44 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Terça-feira, 17.06.14

Ainda no Daily Mail...

O Daly Mail está para os ingleses como o Correio da Manhã para os portugueses. Escândalos, notícias extravagantes, crimes qb, "carecas descobertas" de políticos e de gente fina... enfim daqueles que fazem "manchete" nos jornais e revistas da especialidade.
Ora se eu não leio o "Correio da Manhã" perguntar-me-ão porque compro o Daily Mail? Simplesmente porque é muitas vezes o único jornal inglês que aparece nos escaparates!! Isto claro, nos sítios frequentados essencialmente por turistas ingleses e portanto exceptuando Lisboa, do Porto não tenho conhecimento.

Ora continuando a folhear o jornal deparei-me com este anúncio/pedido:






A organização benemérita pede uma comparticipação de £25 ( +/- 30€ ) imaginem, para ajudar os burros do Mali!! Sim os burros animais!
Lendo as palavras minúsculas do fim do anúncio estas dizem que a dita associação trabalha em prol dos animais explorados de todo o mundo! Sortudos os animais que caírem nos cuidados da SPANA (assim se chama a associação)!
publicado por naterradosplatanos às 18:17 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Domingo, 15.06.14

Lendo o Daily Mail numa esplanada...

Detesto areia, logo praia e acho que já aqui o disse...
Penso que este meu detestar se prende com os anos em que levava os meus 3 filhos e deles não despegava a vista, fossem eles ainda crianças ou adolescentes.
Estávamos pouco tempo na praia propriamente dita, das 9 às 11, 11.30 mas era o suficiente para ficar exausta, tal era a atenção que punha na vigilância!
Agora vingo-me e não vou, quando muito, e se esta existir fico numa esplanada a ler e
assim aconteceu hoje.

Abrindo o Daly Mail dei com uma notícia que reproduzo em fotografia e que traduzo.



A primeira página dá a notícia: "208 000 passaportes foram passados num ano".
Nas páginas interiores chama-lhe de crise de passaportes acusando o ministro da imigração da situação. Situação que tem levado ao cancelamento de viagens de negócios, viagens de regresso, viagens de férias...
Em sua defesa o ministro veio dizer (em sublinhado) entre outras coisa, o seguinte:



DE FACTO, A ENORME CORRIDA AOS PASSAPORTES FORAM BOAS NOTÍCIAS - UMA INDICAÇÃO DE QUE COMO A ECONOMIA ESTÁ A MELHORAR MAIS PESSOAS, COMPREENSIVAMENTE, PLANEIAM VIAJAR. !!! (os pontos de ! são meus)


Resumindo, a CULPA deste acumular de passaportes não passados no tempo normal é única e exclusivamente da Economia que está a melhorar!!
Pertinente explicação, não fosse a "culpa morrer solteira"!
publicado por naterradosplatanos às 12:15 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Sexta-feira, 06.06.14

Rua Guerra Junqueiro nº 8

Fui sempre renitente em lá entrar, sempre disse que não gosto de "voltar onde fui feliz" tal como aconselha a canção de Rui Veloso. Porém fui apanhada de surpresa e entrei...
Morei nela toda a minha infância, na altura a casa era acabada de fazer, os quartos estavam pintados de cores suaves: o quarto cor de rosa, o quarto azul, a sala de verde muito claro, o quarto dos meus pais era cor de creme... A casa de banho tinha uma banheira que me parecia enorme e o chão era pintado de vermelho escuro. Todos os compartimentos eram grandes tal como a cozinha. Tínhamos também um terraço que me parecia enorme e que hoje me pareceu muito pequeno...
A casa tinha duas portas uma nas traseiras por onde vinha a leiteira, e outras pessoas que prestavam serviços, era também por ela que passávamos em correria para a liberdade do Toural. O Toural era um lugar vazio onde se faziam três vezes por mês as feiras com todas as atrações que elas pressupunham. Aí os quatro esfolamos muitos joelhos e fizemos algumas malandrices, não esquecer que éramos quatro com pequenas diferenças de idade!



A porta com o nº 8 da Rua Guerra Junqueiro, era a outra porta, a porta das visitas, a porta por onde vinha o correio, a porta por onde entrava e saía o meu pai e eventualmente a minha mãe, nós só a utilizávamos esporadicamente. A ela acedia-se por dois lanços de escada larga, envernizada e com lambrim pintado a tinta de óleo a imitar madeira ( esta é a fotografia atual mas com poucas diferenças das de então!).

Hoje entrando por ela, toda a dimensão que estava na minha mente se esfumou, os degraus não eram tantos assim nem tão íngremes como na altura pareciam às minhas pernas pequenas!
À esquerda a cozinha, à direita a saleta, sítio onde estudávamos e onde a minha mãe mandou por um quadro de ardósia para ela, que nos acompanhava nos estudos, nos explicar algumas coisas. Nela também havia um divã palco de muitas brincadeiras com a "Gaticha", (gato, não gata), que muito nos aturou!
Depois havia, imaginem, o " quarto escuro", aproveitamento de um vão de escadas, que era sempre uma ameaça a um eventual comportamento impróprio.
A cozinha está na mesma, só este frigorífico está noutro lugar... As bancadas são ainda as mesmas e já lá vão 58 anos!

Fui visitá-la com os dois meus irmãos e só conseguíamos dizer uns aos outros: "lembras-te? Lembras-te? Olha aqui, ainda te lembras?" interrogávamos-nos sem cessar.

Saí com nostalgia e relembrei de novo a oportunidade da canção "Nunca voltes ao lugar onde já foste feliz"!
publicado por naterradosplatanos às 19:28 | link do post | comentar | ver comentários (8)
Domingo, 01.06.14

Mais um "imposto"...

A minha mãe também pagou imposto de Primavera, mas ao contrário de mim valeu a pena como podem ver





No meu caso nem por isso pois as minha petúnias, que vinham carregadas de flores, hoje estão despidas e parece-me que é mais um imposto que terei pagar.
publicado por naterradosplatanos às 21:02 | link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Junho 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
18
19
20
22
24
26
27
28
29
30

posts recentes

últ. comentários

  • Teodora, neste Agosto tórrido, há pouco que contar...
  • Não tem blogado! Foi à Tasmânia fazer uma workshop...
  • : )))Que bom ter essa disponibilidade de tempo.
  • Boa sorte!!!! : )
  • Lena, consegui sete sementes das bagas que trouxe....
  • Quem suspeitaria que esta beleza de arbusto era or...
  • Também tenho o privilégio de receber postais do gé...
  • Tenho visto esporadicamente a Volta na televisão q...
  • É um desperdício essa piscina tão convidativa não ...
  • É melhor ir comprar um determinado antimosquitos à...

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO