Sábado, 30.04.16

A preocupação de tudo explicar...

A preocupação de tudo explicar era uma das suas características.

Tinha uns 6 anos e a sua cabeça fervilhava com questões, nem sempre fáceis de responder: mamã, como é que a água apaga o fogo e o fogo derrete o gelo? A explicação que lhe dei foi simples pois estudar Física ainda vinha longe.

Algum tempo depois, no advento dos computadores "caseiros", adquirimos um " Sinclair" e aí veio talvez a primeira paixão com a programação.

Mais tarde veio a paixão pela Astronomia, os livros sobre o assunto eram os seus livros de cabeceira e o telescópio que teve ou pelos anos ou pelo Natal, já não me lembro, passaram a ser a ferramenta para espiar os céus.

A paixão era tal que o despertador tocava pelas 2,3 ou 4 horas da manhã para espreitar uma qualquer conjunção de planetas ou apenas admirar as Plêiades que numa qq noite estavam mais azuis!

Também não me esquece o comentário de uma professora de Física que também  frequentava um curso de verão da Faculdade de Ciências em que, com alguma persuasão, eu o consegui inscrever. Dizia a professora: há lá um miúdo que sabe tanto disto! Ele era o único miúdo. Era um aluno entre os professores ou melhor, vice versa!

 

Muitas mais paixões se seguiram...

 

Hoje o meu querido faz já 36 anos, muitos para mim, muito poucos para uma vida que tem pela frente... Para ti querido, tudo o que só uma mãe sabe desejar.

 

Nota: estas são as Plêiadas que tb me fascinaram

 

 

image.jpeg

da web

publicado por naterradosplatanos às 07:00 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Quinta-feira, 28.04.16

Sem assunto!

É exatamente isso, não tenho assunto.

publicado por naterradosplatanos às 06:53 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Sábado, 23.04.16

Gostava que o céu existisse

Ontem e hoje, faz muitos anos que perdi pessoas que me fizeram feliz, que me deram carinho, que me compreenderam, que me ensinaram sem saberem, muitas das coisas que hoje sei transmitidas por elas.

Passados tantos anos não consigo ainda falar da minha avó, como se isso me fizesse consciencializar da realidade que é. Do meu pai tenho saudades sobre tudo do tempo em que eu era menina e ele o pai que contava histórias, nos levava ao campo ao domingo e nos deixava sujar... do tempo que nos levava a conhecer outros lugares que não aqueles em que nasci...

 

Gostava, sim, que o céu existisse para um dia os abraçar de novo.

tags:
publicado por naterradosplatanos às 19:29 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Quinta-feira, 21.04.16

Boas notícias para as minhas cerejeiras

Todos os anos olho para as minhas cerejeiras em flor e sigo as abelhas que me hão-de trazer cerejas, vejo-as voar de flor em flor e zumbir de um lado para o outro o que é sinónimo de que a polinização se está a fazer.

Este ano não tem sido nada assim, elas estão floridas mas não há abelhas já que todos os dias tem chovido e nestas circunstâncias elas (as abelhas), não gostam de se molhar!

 

image.jpeg

image.jpeg

Acabo de ler que o sol chegará a sério no próximo domingo e isso é uma boa notícia, que  me poderá dar esperança de vir a colher cerejas.

 

 

publicado por naterradosplatanos às 18:19 | link do post | comentar | ver comentários (3)
Quarta-feira, 20.04.16

Não sei mesmo!

Não sei mesmo que relação há entre o Bocage e as varinas. Só sei que a minha neta D. no âmbito de lembrar o Poeta foi de varina na peça de teatro.

Ora varina, implica sardinhas e como agora nas ações das escolas sobra sempre para os pais, supostamente ajudados pelos filhos ou vice-versa, mãe e D. puseram mãos à obra.

Feltro, tesoura, linhas, purpurinas... O resultado foi este

 

image.jpeg

 

Nota importante: A sardinha mais bem cozida foi obra do N. que tem umas mãos de ouro e que apareceu para ajudar.

publicado por naterradosplatanos às 17:16 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Terça-feira, 19.04.16

O retratado é...

... o Bocage. Pelo que me foi dito, na escola da D. sita na terra do Poeta, o tema anda a ser tratado na sua turma. Não sei qual vai ser o tema do concurso só sei que a minha neta se anda a treinar. Assim enquanto a mãe cozinhava, pegou numa folha e nuns lápis de pastel e de memória retratou-o!

 

Quem se lembrar de alguma imagem do Poeta certamente reconhecerá no desenho pelo menos o seu penteado!

publicado por naterradosplatanos às 10:25 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Domingo, 17.04.16

E se este desenho estivesse no MOMA?...

... Certamente que chamaria à atenção de muitos. Eu que já lá estive considero que não estaria mal entre tantos dos quais nada compreendemos! E não digo mais nada! Quem representará?

image.jpeg

tags:
publicado por naterradosplatanos às 17:38 | link do post | comentar | ver comentários (3)
Quarta-feira, 13.04.16

Acabo de saber...

São sete horas da tarde, liguei a televisão e fiquei a saber que hoje é o "Dia do Beijo"! Como há dias para tudo porque não o do Beijo? Tenho a certeza que muitos se deram precisamente por isso, quiçá alguns foram o começo de muitos outros, talvez de reconciliações, talvez o derramar de alguma felicidade sobre alguns...

 

Rodin imortalizou-o.

 

Que melhor para lembrar o dia que esta fotografia dos meus netos? Teriam então uns 4 anos e recebemo-la pelo Natal.

 

 

image.jpeg

tags:
publicado por naterradosplatanos às 19:36 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Segunda-feira, 11.04.16

I love you too!

É bom, muito bom quando alguém, de lá dos arredores de Veneza (San Giórgio Di Nogaro, Friuli-Venezia Giulia) nos manda um sms que diz: I love you! Isto a poucos meses de fazer 47 anos que percorremos juntos o mesmo caminho onde, felizmente as pedras têm sido poucas.

Que assim possamos continuar...

publicado por naterradosplatanos às 18:47 | link do post | comentar | ver comentários (5)
Segunda-feira, 04.04.16

"So cosy"...

A casa dos meus netos pequenos é uma casa à sua medida, decorada a pensar neles. O quarto deles é o maior da casa e como camas, móveis e secretárias estão todos arrumados ás paredes, no meio há um enorme espaço onde têm lugar todas as brincadeiras.

O corredor também lhes pertence e é o campo de futebol do R. O H. prefere o canto de leitura lá no quarto.

No resto da casa tudo é funcional, nada de excessos de decoração, tudo é simples e em toda a casa se respira tranquilidade.

 

Ontem ao sair (porque à entrada há os abraços dos pequeninos) reparei no vaso de flores que estava na mesa do "hall" e na harmonia do conjunto, que é o espelho da harmonia que reina naquele 2º andar da Avenida de Roma.

 

image.jpeg

tags:
publicado por naterradosplatanos às 21:51 | link do post | comentar | ver comentários (12)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Abril 2016

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
16
18
22
24
25
26
27
29

posts recentes

últ. comentários

  • Lena, consegui sete sementes das bagas que trouxe....
  • Quem suspeitaria que esta beleza de arbusto era or...
  • Também tenho o privilégio de receber postais do gé...
  • Tenho visto esporadicamente a Volta na televisão q...
  • É um desperdício essa piscina tão convidativa não ...
  • É melhor ir comprar um determinado antimosquitos à...
  • Ó Lena, tens toda a razão!
  • Não será "ir fazer a barba a Cacilhas"? A mim mais...
  • Ficamos felizes quando as criancas se divertem mes...
  • Grande "bomba", afilhada! Gostei de ver. Continuaç...

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO