No Areeiro... para grandes males grandes remédios!



Quando chegamos de terras de França as cerejas das nossas duas cerejeiras começavam a pintar (elas devem ser de um vermelho vivo) mas como pelo Areeiro o frio continuou ainda não amadureceram, por isso ainda estão azedas e precisarão de mais algum tempo até que para nós estejam em condições de irmos para debaixo da cerejeira comer a sobremesa...
Porém isto é para nós pois para os melros elas já estão deliciosas o que pressupõe que, se quisermos comer alguma, tenhamos que tomar medidas. E as medidas tomadas vão abaixo documentadas!

Olhem que não foi nada fácil por em prática a ideia!

publicado por naterradosplatanos às 18:54 | link do post | comentar