E por aí... em Chicago

Sou mais dada a escrever sobre o que me surpreende do que da realidade física em si. No entanto a realidade que apreciei é a de uma cidade organizada onde o trânsito flui calmamente no imenso de tabuleiro de xadrez que é planta da cidade.
Portanto Chicago não foge ao tipo das grandes cidades americanas que nasceram, na sua maioria em áreas planas: um centro de onde se elevam brilhantes e modernos arranha-céus (não sei o que diz o AO sobre a palavra...) a par de outros antigos mas igualmente bonitos!
Os grandes parques estão a Sul da cidade bordando o Lago Michigan e onde se situa a Universidade e os bairros de gentes importantes (lá estava a casa de Obama antes de ocupar a Casa Branca) e de muitas mais celebridades. Não fora irmos no Hop on -Hop off não me deslocaria lá evidentemente, mas o tour inclui essa paragem, tal como a paragem em frente ao seu barbeiro!!! Porém para ficar com uma noção exata de qualquer grande cidade, a que se vá pela primeira vez, há que recorrer a estes meios.

Passear a pé é muito agradável, já que a cidade é plana, ruas e passeios largos...
As pessoas devem cultivar a gentileza pois sempre que paramos para consultar o mapa, há sempre alguém que se abeira de nós a oferecer ajuda! O que se esforçou hoje uma elegante senhora para nos ensinar onde ficava o post office! Só faltou levar-nos lá...
Amanhã ainda há muito que ver e que contar...

Aqui ficam algumas fotografias desta cidade à beira de um lago que mais parece um mar e que hoje estava bem agitado!




O moderno e o antigo lado a lado...


Espelhando-se uns nos outros...


"The Bean" actual ex-libris de Chicago


publicado por naterradosplatanos às 13:53 | link do post | comentar