O marco do correio e a fantasia...



No meu tempo de criança, no tempo em que escrevíamos cartas ao Menino Jesus os marcos de correio eram só vermelhos. Há algum tempo com o advento do Correio Azul, apareceram os azuis em tudo iguais aos primeiros excepto na cor. Era nesses vermelhos onde muitas dessas cartas, escritas em letra insegura, iam parar!
Hoje as cartas, as poucas que ainda as crianças escreverão, mudaram de destinatário e de endereço, hoje terão escrito Pai Natal - Lapónia!

Os meus três netos pequenos ainda vivem nesse reino da fantasia mas mais um ano e logo descobrem o que todos descobrimos!
Não quer isto dizer que não continuem a gostar de viver essa fantasia a ver pela minha neta R. que já nos seus nove anos confidenciava à minha irmã: sabes Lelé, eu sei que são os pais que nos dão o brinquedos, mas eu gosto de acreditar que é o Pai Natal!
Assim quando ía passar dois ou três dias a casa dela nas vésperas de Natal fazia sempre questão de por o sapatinho atrás da porta da entrada, onde obviamente na manhã seguinte estava uma surpresa!

Um pouco de fantasia não faz realmente mal a ninguém!
,
publicado por naterradosplatanos às 11:06 | link do post | comentar