E não queria cair!

Estava tão seguro que nem os esforços do R. o faziam abanar! Mas como o que o havia de substituir já espreitava lá atrás, ir ao dentista foi a única solução.

Foi... e ao que me foi dito portou-se tão bem, apesar da pica da anestesia, que mereceu um elogio do dentista que o presenteou com o seu "velho" dente embalado como vêem na fotografia que aqui fica para " memória futura".

image.jpeg

Não sei se a fada dos dentes deixou também algum presente, mas é muito provável que sim. E como o queda do primeiro dente é sempre um dia especial houve um miminho também especial: panquecas com marmelada acabada de fazer!

image.jpeg

image.jpeg

publicado por naterradosplatanos às 10:09 | link do post | comentar