Olhando a água e as Coscuvilheiras...

Nesta cidade em que se cultiva a arte, há por todo o lado esculturas, umas que entendo outras que não!

Entre as primeiras, aquelas que me fazem parar e admirá-las  descobri uma nova, aqui na Sherbrook street: 'blue water', pai e filha espelhando-se na água,

imagyye.jpg

 

 mas é para esta "as Coscuvilheiras" que vão as minhas preferências

 

image.jpg

 

Apreciem as suas expressões e digam-me que o diálogo entre entre elas podia bem ser este: 

image.jpg

 

1ª da esquerda: eu cá não acredito! Como é que pode?

 Diz a do meio com os braços cruzados: tem razão vizinha, como é que ela pode?!

 1ª da direita condescendendo : quem havia de dizer, a ser verdade custa a acreditar!

 

É um diálogo benevolente inventado por mim, mas nestas expressões muitos diálogos podiam caber!

Fica no cruzamento da Saint Paul Street com a Saint Dezier Street.

publicado por naterradosplatanos às 22:22 | link do post | comentar