E por aí... uma certa desilusão

 

Há uns tempos que andava a planear uma ida a um lugar/tempo da minha infância a Feira das Cantarinhas. Porquê? Porque durante toda a nossa infância era, sei lá, como que uma novidade de Primavera! Era nessa altura que a minha mãe nos comprava chapéus novos para o verão, chapéus de palha com uma fita azul ou vermelha (lembra-me de preferir a vermelha) e era nessa altura que apareciam as primeiras cerejas!

As cerejas sempre atraem as crianças, mas essas muito mais porque vinham atadas ao longo de um pauzinho como que formando uma espiga de milho rosada e gigante. Essas cerejas eram ainda pouco vermelhas, mal sabiam a cereja, eram ainda azedas mas de um sabor fresco e para nós, miúdos, deliciosas!

Porém eram o nosso encanto e cada um de nós quatro tinha direito a um “raminho”!

 

Este ano, que eu programei a minha ida a Norte de forma a coincidir com o 3 de Maio, não havia esse encanto de infância que eu procurava : não, este ano não há, o inverno foi muito prolongado e as cerejas não amadureceram, foi a resposta que ouvi das duas vezes que perguntei se não as havia. Foi mesmo uma desilusão!

 

Porém como a sua feitura não depende da meteorologia, lá estavam as cantarinhas desde as mais minúsculas até às maiores, com os desenhos tradicionais até outros aspetos de que não me lembrava, pretas, vidradas às cores…

 

Também, e obviamente a Feira já não tem o fascínio do antigamente quando não existia o pronto a vestir, mas apenas os xailes, os cobertores, cutelaria artesanal, e aqueles maravilhosos brinquedos de madeira : a pomba que batia as asas, o equilibrista no arame (aqui um fio) o ciclista que pedalava numa roda maior do que ele… ou ainda os carros e as máquinas de costura em miniatura feitas em lata!  

 

Nada de saudosismo, é apenas uma constatação!

Talvez para o ano os raminhos de cereja apareçam e eu os possa fotografar!

 

p.s. por mais que me esforçasse não consegui encontrar nenhuma imagem na internet. Quando tiver as minhas vou tentar fazer um desses raminhos e depois mostro.

 

Agora só deixo algumas cantarinhas…

 

 

 

 

 

publicado por naterradosplatanos às 14:02 | link do post | comentar | ver comentários (4)