Terça-feira, 31.08.21

Já não sei rezar!

Que vulgares são estas missas de despedida: monocórdicas, sem fervor, banalidades sobre esta e a outra vida (de que ninguém nada sabe!)
Rezaram, os presentes, mas eu não os consegui acompanhar em nenhuma das orações, se exceptuar o Pai Nosso. Mesmo assim há uma parte da oração que nunca verbalizo :“seja feita a sua vontade”!
(É vontade de Deus que um sismo arrase o Haiti, que um furacão arrase à sua passagem os trabalhos de uma vida, que cheias levem indiscriminadamente homens, mulheres, crianças?)
 
As duas leituras que pertenciam ao ato foram feitas por mim, mas meu Deus, que conteúdo anacrónico, incoerente, vazio…
Obviamente li-o com antecedência, mas nem o empenho que pus na sua leitura deve tê-lo feito chegar aos corações de todos e todas que sentidamente vieram despedir-se da Lena.
 
Deixo-o aqui com o pedido de argumentarem, se discordarem de mim.

 

F70B68D3-B3A0-4251-B368-9C2C6BD60EC7.jpeg

 

publicado por naterradosplatanos às 13:25 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Hoje…

Hoje fizeste connosco a última viagem, aquela que os três costumávamos fazer… porém já não pudemos comentar a paisagem, relembrar momentos de infância, nem ter a conversa a vulso em quatro horas de viagem!
Sim, ias no teu lugar, mas desta última vez num pequeno cofre que te continha!
 
Ainda incrédula vejo-te viva e de repente acordo para a realidade…

 

5EDF17D2-B4B6-46C3-9270-60D8818E15AD.jpeg

 

publicado por naterradosplatanos às 13:19 | link do post | comentar | ver comentários (1)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Agosto 2021

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
26
28
29
30

posts recentes

últ. comentários

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO