E por aí... "Randonner" por Bruxelas

Hoje o dia foi destinado apenas a deambular pela cidade sem preocupação de vermos nada em especial que não fosse olhar as pessoas, o bulício da cidade, o vai e vem de uns afadigados, outros como nós apenas fluindo...

Do que me foi dado ver há muitos muçulmanos, a ver pela data de muçulmanas e respectivos filhos que com elas trazem consigo...tudo gente nova que provavelmente mais terão! Vi romenas anichadas no chão pedindo, algumas delas sem ostentarem sinais de pobreza a atender à forma como estavam vestidas, vi também outros pedintes embora sem o ar de sem-abrigo...
Espreitamos as montras e constatamos os preços às vezes elevados, olhamos ocasionalmente uma libraria e realmente constatamos a importância, pelo menos em número, da população árabe, não só pelos títulos nessa lîngua como também em livros de iniciação para crianças "



Na deambulação pela cidade deparamos- nos com murais interessantes, não grafitis, mas reproduções de banda desenhada de autores belgas como Hergé com o seu Tim-Tim entre outras e que deixo em baixo:











Ah! Também comi uma "gauffre" tão típicas destes lados. Não comprei nenhum bom- bom belga porque aqueceu e como tal iriam amolecer...
Regressamos a meio da tarde sem no entanto deixar de passar de novo na Grand Place!




Amanhã voaremos de novo para casa...
publicado por naterradosplatanos às 20:12 | link do post