As minhas cerejas e Ives Montant...

 

Quando cheguei hoje ao Areeiro, a primeira coisa que fiz e como de costume, foi passar volta á “propriedade”.

Claro que eu já sabia que as cerejas estariam à minha espera e estavam!

Fui para debaixo da cerejeira prová-las  e então veio-me á memória uma canção de Ives Montant, “Les temps de cerises”! *

Vim para dentro e fui procurá-la ao sítio onde estas coisas se encontram e aqui a deixo, não deixem de ouvir porque é maravilhosa!

 

https://youtu.be/ncs4WlWfIZo 

 

As fotografias são das minhas cerejas...

EC79DC3E-472C-4A29-BDB8-3774DA4345D0.jpeg

A6D892D2-9648-4F15-AE60-9B0C88AC27AE.jpeg

F83B8AEA-F7B5-42A1-A592-8512DB719DB8.jpeg

6A0422D6-FEF1-4ADC-BBBA-379FD4468220.jpeg

* (os verso desta canção foram escritos ainda no séc. 19 e tornou-se numa canção revolucionária)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por naterradosplatanos às 17:13 | link do post