Continentalidade...

 

Não é segredo para quem me lê que eu fiquei muito ligada a Montreal,

tanto que ainda hoje, oito anos volvidos, continuo a ler o “Globe and Mail” e “The Gazette”... a consultar a meteorologia e a espreitar as Webcams!

Agora que a R. está em Helsínquia logicamente que consulto todos os dias as temperaturas que por lá se registam e se a neve cai ou não!

Hoje pela manhã constatei o seguinte:

 

Montreal -17ºC

 

Helsínquia -1ºC

 

Ora Montreal está a 45ºN e Helsínquia a 60ºN, portanto aqui estava um bom exemplo para  demonstrar como a continentalidade interfere na Temperatura 

 

Acontece que quando eu ensinava os Fatores de Clima não tinha as capacidades de o demonstrar de forma tão evidente como agora em que tudo se sabe “just in time”!

Nessa altura os alunos só tinham que acreditar e pronto!

Agora não, poderíamos fazer essas análises ao longo de uma semana ou duas, construir um quadro, talvez um gráfico, depois tirar  conclusões e regista-las por escrito. Também ilustraíamos o trabalho com um mapa onde simultaneamente estariam localizadas as duas cidades e as respetivas latitudes.

 

Acho que seria um trabalho interessante e que grande parte dos alunos não mais esqueceria a continentalidade como importante fator de clima!

 

 

Como teria sido bom eu ter disposto de todas estas ferramentas!

 

E9038214-410C-4F8C-8206-4A72172EEBD7.jpeg

 

 

 

 

 

publicado por naterradosplatanos às 11:11 | link do post