Devia ter estado calada!

 

Quando a beira Tejo já se torna ás vezes muito solitária, troco-a pela Almirante Reis que é plana e é só andar em frente. Além disso distrai muito mais que os passarinhos á beira do rio!
A Almirante Reis é uma mistura colorida de “raças”, de credos, de nacionalidades é até uma “passerele” de modelos vários. Desce-la observando, nunca corremos o risco da monotonia.

Ora hoje descia a avenida, quando vejo de lá uma “sujeitinha" e uso o termo na sua forma mais depreciativa... a idade era indefinida, loira de cabeleireiro, óculos escuros, casaco amarelo (como manda a moda) e saltos bem altos... trazia na mão um gelado (de pauzinho) que no espaço de uns 10 metros, que nos separavam, o desembrulha deitando o papel ao chão!!!
Obviamente que me não contive e disse: devia envergonhar-se de deitar o papel ao chão! Uma vergonha!!

A resposta não se fez esperar :  é para dar que fazer ao varredor!!!


Cruzamo-nos entretanto e pensei: o que eu devia é ter estado calada!

publicado por naterradosplatanos às 16:36 | link do post