No cabeleireiro...

 

Foi minha aluna quando adolescente, bonita como a maioria das adolescentes... naquela turma lembro-me de que todas o eram!


A Paula tinha o cabelo loiro (ainda o têm), olhos claros e pele rosada... aluna que tinha todas as qualidades que entusiasmam qualquer professor a ensinar! O seu Caderno de Trabalhos Práticos (não confundir com Caderno Diário!) era um primor, nele tudo estava feito com perfeição...
Passaram-se anos (faculdade, emprego, casamento...) não que não tivesse notícias pelo pai sempre que nos encontrávamos, mas já se sabe, os homens nunca são bons nos pormenores e por isso as notícias não passavam do “está tudo bem”.

Há dias, depois de tantos anos, ela por lá e eu por aí, encontramos-nos por acaso no cabeleireiro e o nosso abraço traduziu a felicidade mútua do nosso reencontro!

A Paula adolescente que conheci é hoje uma jovem mãe de 38 anos, segura de si, alegre e feliz com o seu pequeno Henrique.

Agora acrescentei mais um endereço de e-mail ao grupo das minhas alunas, que tenho vindo a reencontrar.

Bem-vinda Paula!

publicado por naterradosplatanos às 12:07 | link do post