Num jardim de Lisboa...

Os jardins, ou pelo menos a maior parte, acusam o Outono. Se não olharmos para cima onde as árvores se começam a colorir e nos ficarmos pelos canteiros, vemos que estes acusam o desleixo a que foram votados...não, não é culpa do C19 porque é assim todos os Outonos e Invernos! Dirão, mas é Outono ou é Inverno... não, arrancar o seco, cortar o ramo do arbusto que está fora do lugar, aparar as sebes, faz toda a diferença... mais ou menos como o antes e o depois de irmos ao cabeleireiro!

Hoje passei num jardim de Lisboa e o único colorido era um galo garnizé que por ali se passeava.

Ato contínuo lembrei-me de Key West (Fa) onde os galos substituem os nossos pombos com a diferença que os primeiros são silenciosos e os  segundos são o toque de alvorada naquela cidade!

0D60E64F-A0BE-4F61-AF2E-0868A183BE7F.jpeg

 

publicado por naterradosplatanos às 11:43 | link do post