Quinta-feira, 14.06.18

Deixemos por agora a Baixa para os turistas...

... e regressemos lá para o inverno.
Como se sabe e alguns se queixam, agora as ruas são deles...Hoje por duas vezes  empregados de esplanadas se me dirigiram em francês, talvez pela minha mochila e ar descontraído, confundiram-me com uma turista!
Realmente agora, pelo que se lê, os franceses também já nos descobriram e assim a sua língua ouve-se quase tanto como o inglês, o que até agora não era comum. O que também constatei e com pena, foi que lojas que eu conhecia desapareceram e no seu lugar estão  pastelarias, restaurantes, lojas de “souvenirs”! Disso  também não gosto, mas parece ser a evolução natural dos sítios turísticos... nada a fazer!
 
Esperemos um próximo inverno menos chuvoso para então nos passearmos pela Baixa lisboeta de forma mais tranquila.

 

publicado por naterradosplatanos às 20:09 | link do post | comentar | ver comentários (1)
Quinta-feira, 12.03.15

Calções e mangas curtas...

Lisboa está invadida de turistas e ir à Baixa é entrar, apesar do Sol e céu azul, em duas estações do ano diferentes, a nossa onde ainda dominam as mangas compridas e as botas e a dos turistas de calção e sandália e as mangas cavadas das senhoras!

 

As esplanadas estão cheias de gente de várias idades mas sobretudo de cabeças grisalhas...

O ambiente que se vive é solto, as lojas têm coisas bonitas e certamente a um preço muito convidativo para quem nos visita...

 

É bom sentir uma cidade buliçosa a par da tranquilidade do rio que a banha e que nas fotografias se comprova.

image.jpg

image.jpg

 

publicado por naterradosplatanos às 08:54 | link do post | comentar | ver comentários (1)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Outubro 2018

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

últ. comentários

  • E sempre muito doloroso perder quem nos mimou na v...
  • Sabe tão bem!!
  • Ficam memórias, mas, às vezes, doem de mais... Tam...
  • Era uma tia/madrinha muito especial que fez muito ...
  • Era a vodsa querida Tia Dalma de quem tenho maravi...
  • Sorte viver-se na cidade e simultaneamente no camp...
  • Que sorte ter essa vizinhança...
  • Catarina, este ano o meu marmeleiro não deu marmel...
  • É uma feira genuína típica da época das colheitas ...
  • Uma palmeira enorme! Muito alta.

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO