Segunda-feira, 16.11.20

Nunca ninguém me ofereceu flores🌹...

Anos, uns 50, passou pela designação de “ criada de servir”, depois de empregada doméstica... hoje não sei qual é a designação.
Durante esses 50 anos foi sempre considerada por quem ela serviu, mas um dia a família de que ela foi fazendo parte também partiu!
As poupanças de uma vida permitiram-lhe ter um lar seu, à sua medida: pequeno mas confortável, sem que lá nada faltasse mas também com alguma solidão. Solidão que matava em frente ao ecrã e nas lides caseiras...
A Maria era, apesar de uma 3.ªclasse, capaz de compreender o mundo que o ecrã trazia até si e mesmo argumemtá-lo!
A minha irmã visitava-a com frequência e nessa frequência ia sempre um mimo. Um dia resolveu substituir os bombons, as bolachas, os grãos de café, ou as tisanas por uma rosa!
 
A reação foi inesperada: - Menina Leninha, nunca até aos dias de hoje, alguém me tinha oferecido flores!
 
Ontem a Maria, a quem eu também devo algumas amabilidades deixou-nos! 🥀

 

 

438FC2E8-D7CF-4D0C-AB76-B46E4612DA7B.jpeg

 

tags: ,
publicado por naterradosplatanos às 15:01 | link do post | comentar | ver comentários (3)
Sexta-feira, 22.02.19

Diários do nada... ou talvez não!

 

Hoje tive notícias da Maria. A Maria foi minha aluna, brilhante aluna que faz parte da meia dúzia de alunas BRILHANTES que eu tive!

Hoje a Maria tem, além de uma carreira de sucesso, a Beatriz que está a estudar música no Conservatório de Amsterdão e um pequenino de 4 anos!

 

É bom ter boas notícias de alguém que ainda está na nossa memória!

tags: ,
publicado por naterradosplatanos às 21:37 | link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Setembro 2021

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
25
26
27
28
29
30

posts recentes

últ. comentários

Posts mais comentados

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO