“Tudo o que eu quero” (??!!!)

 

Por mais voltas que eu desse  para o relacionar com o que vi não o consegui compreender! "Tudo o que eu quero" é o nome de uma exposição na Gulbenkian onde se expõem obras de Artistas Portuguesas de 1900 a 2020. Como se compreende, dado o espaço de tempo, as obras formam um conjunto absolutamente heterogéneo: vão desde aquelas que me deixam deslumbrada, àquelas que eu designo como as obras do “o rei vai nu!” (imagino que conhecem a história, senão vão ao Google que lá certamente está contada).

Eu explico, são aquelas  em que aglomeram gente e onde essa gente vê tudo: propósitos, pensamentos, introspecção etc. etc. do artista que as realizou.

Admito sempre que seja incapacidade minha de as compreender…

 

Vara espetada no chão, será ????
Nem sequer a posso associar a um relógio de sol pois não tem a inclinação exigida pela latitude!!!

40F7A310-15DE-4007-A294-5D212CC2CCE3.jpeg

9D015F6F-57F6-4EC6-90E7-CD1D0E3E4A12.jpeg


Agora aqui estão algumas daquelas sobre as quais não é necessário enfabular:

F7612490-7537-4A27-84CD-9EDF0FB2106B.jpeg

E97243C9-911A-4732-8891-7BBDAF007A14.jpeg

9793BE01-11D0-4E66-BC24-56B6B309CA1E.jpeg

5EDECFCA-D866-471E-9306-7AC0F2BDB34E.jpeg

 

publicado por naterradosplatanos às 18:19 | link do post